Como escolher um bom terreno

Características

quantidade-de-terra-no-terreno

A foto acima ilustra a quantidade de terra necessária para nivelar o terreno, aconselho procurar um engenheiro ou construtor para calcular os gastos com terraplanagem e muro de arrimo.

As características do terreno podem influenciar no projeto, execução e custo da obra, além de satisfazer ou não os seus desejos. Para avaliar o terreno corretamente é necessário que esteja sem mato alto. Vejamos então as características principais:

 1.       Infraestrutura: Primeiro verifique se há energia elétrica, rede de água e esgoto, pois sem elas não há como iniciar a obra, veja também se há pavimentação asfáltica (ou quando será efetuado), telefonia e internet.

2.      Largura do terreno: Você pode obter um projeto independente da largura, mas o ideal é em torno de 12 metros. Veja quais são as consequências para terrenos estreitos:

      • Fachada e posicionamento da casa: a fachada ficará comprometida, bem como a disposição e tamanho dos cômodos;
      •  Iluminação e ventilação: de modo geral são os dois fatores mais afetados;
      • Quantidade e tamanho das janelas: muitos casos a casa terá que fazer divisa com o muro lateral, assim afetando a ventilação e iluminação;
      • Recuos laterais (das divisas): o corredor será estreito e afetará também a ventilação e iluminação;
      • Garagem: se for muito estreito só terá uma vaga ou então duas vagas colocando um carro atrás do outro.

 3.      Nível do terreno: Geralmente o melhor terreno é o de topografia plana, ou seja, um terreno plano e no nível da rua, é interessante consultar um engenheiro ou um arquiteto, mas veja e analise outros casos:

  • Terreno bem abaixo do nível da rua: (acima de1 metro a cada 10 metro) a casa poderá ficar “enterrada” no terreno, então nesse caso você terá os seguintes problemas:
  1. Pedir para o vizinho do fundo deixar escoar a água fluvial (da chuva) e a rede de esgoto no terreno dele (é uma fria).
  2. Problemas com ventilação e iluminação, que consequentemente geraram outros problemas (calor, umidade, etc.)
  3. 3.      Pode haver risco de inundação.
  4. Problemas de infiltrações decorrentes da falta escoamento fluvial adequado.
  5.  Gastos adicionais com muro de arrimo e impermeabilização do muro.
  • Terreno abaixo do nível da rua: (abaixo de1 metro a cada 10 metro) nesse caso você pode aterrar o terreno até que fique um pouco acima do nível da rua, veja os seguintes cuidados:
  1. Faça um orçamento prévio e analise o quanto irá gastar com aterramento, terraplanagem e muro de arrimo.
  2. Se for compensatório, após a terraplanagem e o muro de arrimo será necessário deixar um bom tempo (talvez meses ou anos dependendo da situação) até a terra assentar e ficar bem compactada para depois iniciar a obra.
  3. É fundamental que o muro de arrimo esteja bem estruturado e impermeabilizado, para evitar desmoronamento e infiltrações.
  • Terreno muito acima do nível da rua: (acima de1 metro a cada 10 metro) se a casa ficar muito acima do nível da rua, podem ocorrer essas situações:
  1. É necessária rampa ou escada, para as pessoas idosas ou deficientes não é uma boa escolha.
  2. Talvez seja necessário retira muita terra, encarecendo a obra.
  3. O muro de arrimo tem que ser muito bem estruturado e impermeabilizado.
  • Terrenos acima do nível da rua: (abaixo de1 metro a cada 10 metro) nesse caso você pode retirar a terra  até que fique um pouco acima do nível da rua, talvez seja a situação menos desfavorável dentre as demais:
  1. Fazer orçamento prévio e analisar se está compatível com o preço de mercado.

 

 

  1. Árvores no terreno: Geralmente não traz nenhum problema, pois, o Direito de Propriedade sobrepõe-se à legislação ambiental, porém se for uma grande área de interesse ambiental é necessária a autorização para corte ou poda para não cometer crime ambiental.

2 Comentários

  • Leia

    Responder Responder dezembro 4, 2015

    Muito interessante o assunto. Mas minha reclamao so essas dores. Quando enfrentei uma crise de dor lombar, o mdico me falou desse colcho magntico . Quem daqui j ouviu falar? Disseram que cuida at insonia.

Deixe um Comentário

* Indicar Campos Obrigatórios